NOTÍCIAS > Circuito Feminino Future de Tênis 2013
Circuito feminino entra no 3º ano com novas etapas
08/03/2013 às 11h17

São Paulo (SP) - Mais importante série de torneios para a base do tênis nacional, o Circuito Feminino Future de Tênis dará início neste mês a sua terceira edição consecutiva. Serão seis etapas independentes oferecendo pontos para o ranking mundial de profissionais da Associação feminina internacional (WTA).

O Country Club de Ribeirão Preto e o Tênis Clube de Santos, assim como os clubes Paulistano e Paineiras de São Paulo, voltam a sediar o Circuito. As novidades desta temporada serão a entrada do clube Pinheiros, na capital paulista, e do Graciosa Country Club, em Curitiba. Todas as etapas serão disputadas sobre piso de saibro.

"O Circuito se tornou um pilar importante para esta nova fase que o tênis feminino brasileiro vive, com resultados cada vez mais promissores", afirma o diretor do torneio Otávio Della. "Ao longo desses três anos, praticamente todas as principais jogadoras juvenis e em início de carreira profissional disputaram o evento, assim como experientes tenistas que buscavam recuperação no ranking".

O evento volta a ter apoio da Lei de Incentivo ao Esporte. "O calendário feminino no Brasil é extremamente dependente das leis de incentivo. Não fosse isso, simplesmente não haveria eventos", frisa Della. "Dos 13 torneios realizados no ano passado, 12 foram através das leis", ressalta o organizador, lembrado que, além do NDEC, apenas outro instituto se utilizou do recurso. Novos seis torneios deverão ser integrados ao calendário em breve, alguns oferecendo pontuação ainda maior.

O calendário do Circuito Feminino está definido junto à Federação Internacional da seguinte forma: 22 a 31 de março, em Ribeirão Preto; de 19 a 28 de abril, no Paulistano; de 31 de maio a 3 de junho, em Santos; de 26 de julho a 4 de agosto, no Paineiras; 6 a 15 de setembro, no Graciosa; e 4 a 13 de outubro, no Pinheiros.

O Circuito Feminino Future de Tênis tem patrocínio do Itaú, Novelis e Correios, com apoio da Lei de Incentivo ao Esporte, através do Governo Federal. A realização é do Núcleo de Desenvolvimento do Esporte e da Cultura.