NOTÍCIAS > Circuito Feminino Future de Tênis 2013
Paula tenta título de duplas, Vogt e Melnikova decidem simples
14/02/2014 às 18h57

São Paulo (SP) - De olho numa vaga entre as 150 melhores tenistas do ranking de duplas, a paulista Paula Gonçalves buscará o sétimo título de nível challenger na especialidade na primeira etapa do Circuito Feminino Future de Tênis. Ela e a colombiana Mariana Duque farão a final às 13 horas deste sábado na quadra principal do clube Paulistano contra a espanhola Beatriz Garcia e a alemã Dinah Pfizenmaier. Logo em seguida, às 16 horas, acontece a decisão de simples entre Stephanie Vogt, de Liechtenstein, e a surpreendente russa Marina Melnikova.

Nas três partidas que já disputaram nesta semana, Gonçalves e Duque ainda não perderam sets. Na semifinal desta sexta-feira, elas superaram com relativa facilidade a parceria formada pela paulista Laura Pigossi e pela experiente catarinense Maria Fernanda Alves, por 6/3 e 6/2.

Nome importante na recente conquista do zonal americano da Fed Cup, Paulinha ocupa o mais alto ranking de duplas de sua carreira no momento, a 167ª posição, e uma eventual conquista poderá levá-la para a faixa das 150. Aos 23 anos, já é a segunda brasileira mais bem colocada na classificação internacional, atrás apenas de Teliana Pereira. No total, soma seis títulos de duplas de nível challenger e outros cinco de future. A parceira Duque, um ano mais velha, já faturou o WTA de Bastad em 2012 e está no 103º posto.

Em simples, Vogt confirmou a condição de cabeça 4 ao derrotar Duque, por duplo 6/2. A colombiana pouco antes havia completado a itória sobre a peruana Bianca Botto, por 7/6 (7-4) e 6/4. A russa Melnikova conseguiu dois resultados expressivos. Pela manhã, fechou a vitória sobre a venezuelana Adriana Perez, cabeça 8, por duríssimos 4/6, 6/2 e 7/6 (7-5). Em seguida, arrasou Pfizenmaier, cabeça 1 da semana e 89ª do ranking, por incríveis 6/0 e 6/1. As finalistas nunca se cruzaram no circuito.

Aos 23 anos, Vogt joga o circuito da WTA desde os 16 e tem bom histórico em torneios de nível challenger, com cinco torneios faturados, dois deles no ano passado. Atual 154ª, já ocupou a 140ª posição em outubro do ano passado. Melnikova, de 25 anos, ganhou um único campeonato, e de nível future, em 2008. Ocupa no momento sua mais alta classificação internacional, como 270ª colocada.

O Circuito Feminino Future de Tênis tem patrocínio do Itaú, com apoio da Lei de Incentivo ao Esporte, através do Governo Federal. A realização é do Núcleo de Desenvolvimento do Esporte e da Cultura.